PF faz operação contra grupo especializado em ‘pescar’ cheques e dinheiro em caixas eletrônicos

PF faz operação contra grupo especializado em ‘pescar’ cheques e dinheiro em caixas eletrônicos

Grupo agia como nômades: andavam pelo país em carros alugados, sobretudo nas regiões Norte e Nordeste. Foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão em São Paulo e no Ceará

Operação Fishing realizada pela Polícia Federal | Foto: PF/Divulgação

A Polícia Federal (PF) deflagrou uma operação nesta quarta-feira, 17, contra um grupo criminoso especializado em “pescar” envelopes com dinheiro e cheques dentro de caixas eletrônicos. Em Rondônia, os crimes aconteceram em Cacoal, Jaru, Alto Paraíso e Porto Velho.

Segundo a PF, o grupo agia como nômads: andava pelo país em carros alugados, sobretudo nas regiões Norte e Nordeste, furtado caixas eletrônicos. No Norte, a investigação identificou passagem do grupo por estados como Pará, Amazonas, Acre e Rondônia.

Durante a Operação Fishing foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão em São Paulo e no Ceará. Também foi solicitado o bloqueio de bens pertencentes aos suspeitos que podem chegar a meio milhão de reais.

De acordo com a PF, o grupo começou a ser investigado em 2022, quando a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu cinco pessoas em Pimenta Bueno (RO) com diversos envelopes, e quase $ 20 mil em dinheiro e cheques.

As autoridades descobriram que os suspeitos pesquisavam os caixas disponíveis nas cidades por onde passavam e utilizavam ferramentas para “pescar” os cheques de dentro dos caixas.

Depois dos crimes, eles procuravam pessoas que cediam as contas bancárias para depósito dos cheques furtados em troca de 30% do valor. Pelas ações, o grupo pode responder por furto qualificado, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Fonte: g1

Últimas Notícias

Mais notícias