Como surgiram os nomes dos 12 signos do zodíaco?

Como surgiram os nomes dos 12 signos do zodíaco?

Nomenclaturas da astrologia são resultado de influências da astronomia e da mitologia greco-romana, babilônica e egípcia

Você já se questionou sobre as origens dos signos do zodíaco? Por que Câncer recebe esse nome? Por qual motivo o símbolo de uma balança se associa a Libra?

Sarayut Thaneerat/ Getty Images

Para responder essas dúvidas, a astróloga Ana Cristina Soares detalhou à CNN quais são as influências que contribuíram para a definição dos signos astrológicos.

Segundo a profissional, os nomes do zodíaco surgiram inspirados pelas constelações do céu ainda na Antiguidade. Levando em consideração que cada constelação é um conjunto de estrelas, foi possível imaginar certas figuras na observação celeste a partir do planeta Terra e, desta forma, nomeá-las.

“O zodíaco é como uma ‘cinta’ imaginária, circundando a esfera celeste, dividida em 12 partes, cada qual com a sua constelação. Cada parte deste ‘cinturão’ é correlacionada com um determinado signo”, revela a astróloga.

Mas qual a origem dos nomes dos signos?

Ana relata que os nomes dos signos do zodíaco tiveram influências da astronomia e da mitologia greco-romana, babilônica e egípcia.

Durante as primeiras civilizações, os estudiosos associaram a posição dos astros no céu e eventos na Terra e identificaram uma fascinante correlação, o que levou à criação da astrologia, com horóscopos e leitura de mapas astrológicos.

“O equinócio no hemisfério norte, fim do inverno e primeiro dia da primavera, que ocorre aproximadamente entre 20 e 23 de março, foi tomado como o grau zero do zodíaco, marcando o começo do primeiro signo zodiacal, e nomeado de Áries”, conta Ana.

“Os outros signos foram classificados na sequência, inspirados nas constelações subsequentes identificadas”, acrescenta a astróloga. “Os signos e suas associações foram definidos levando em conta as estações do ano, o calendário, a melhor época para se plantar e colher, o temperamento em comum das pessoas nascidas no mesmo período e outras peculiaridades de eventos na Terra.”

Desta forma, ficou determinada a ordem dos signos:

Aries (Áries/Carneiro) – 21 de março a 20 de abril
Taurus (Touro) – 21 de abril a 20 de maio
Gemini (Gêmeos) – 21 de maio a 20 de junho
Cancer (Câncer/Caranguejo) – 21 de junho a 22 de julho
Leo (Leão) – 23 de julho a 22 de agosto
Virgo (Virgem) – 23 de agosto a 22 de setembro
Libra (Libra/Balança) – 23 de setembro a 22 de outubro
Scorpius (Escorpião) – 23 de outubro a 21 de novembro
Sagittarius (Sagitário/Centauro) – 22 de novembro a 21 de dezembro
Capricornus (Capricórnio/Cabra) – 22 de dezembro a 20 de janeiro
Aquarius (Aquário/Aguadeiro) – 21 de janeiro a 18 de fevereiro
Pisces (Peixes) – 19 de fevereiro a 20 de março

De acordo com a especialista, a influência dos astros e das estrelas nos acontecimentos, nas personalidades individuais e no destino da humanidade fascinou civilizações que se dedicaram ao estudo dos signos por milhares de anos.

Fonte: CNN Brasil

Últimas Notícias

Mais notícias